Infidelidade

Olhas-me e negas,
fingindo que não é nada
Pensando que não reparo,
Quando nele estás compenetrada,

Pouco me escutas e me dás atenção,
Quando está contigo ou o tens pela mão,
Tagarelas em grupos sem fim,
Vagueias por tudo o que postam,
Só porque sim.

O tempo gasto com ele,
É mais do que o que em nós investes,
Arriscando-te a conhecer melhor todos,
Do que de mim alguma vez soubestes,

Com eles estás sempre presente,
Comigo por vezes ausente,
Usas-me como uma pausa,
Um momento de sobriedade,
Um voltar à realidade,

Mas eu fielmente,
Cá estarei para te escutar e abraçar,
Porque a vida continua,
Quando, por fim, a bateria te acabar.

JPVG

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s