Insónia

Inoportunamente, sempre aparece,
Roubando o sono quando lhe apetece,
Sossegada, vê vagarosamente o tempo passar,
E nem pelo cansaço, em paz me quer deixar… .

JPVG

(02/04/2014)

Anúncios